Homem suspeito de encomendar a morte de empresário, em Palmas, é preso em Balneário Camboriú

Um homem de 38 anos, suspeito de ser o mandante do homicídio do empresário Elvisley Costa de Lima, de 54 anos, foi preso no início desta semana, segunda-feira, 4, em Balneário Camboriú-SC. O empresário Elvisley de Lima foi assassinado em Palmas, em janeiro de 2020, vítima de diversos disparos de arma de fogo, à queima roupa, enquanto se encontrava dentro de sua caminhonete, na Avenida Palmas Brasil.

A ação que resultou na captura do indivíduo foi deflagrada pela Polícia Civil do Tocantins (PC-TO), por meio da 1ª Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (1ª DHPP), de Palmas com apoio das forças de segurança do município catarinense.

Segundo o delegado-chefe da 1ª DHPP e responsável pelo caso, Guido Camilo Ribeiro, as investigações foram intensificadas após a identificação do homem que teria encomendado a morte do empresário Elvisley de Lima. “Após a decretação da prisão preventiva do mandante, o setor de inteligência da 1ª DHPP aprofundou os trabalhos investigativos e diligências e foi constatado que o foragido da justiça se encontrava em Balneário Camboriú”, detalhou.

O suspeito de ser mandante do crime foi preso enquanto se encontrava em uma clínica médica na cidade catarinense. O homem foi submetido a exames cautelares de corpo delito e, posteriormente, recolhido à Unidade Prisional de Itajaí, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário do Tocantins.

Com a prisão do indivíduo, a PC-TO elucida o assassinato do empresário Elvisley de Lima. O atirador já havia sido preso anteriormente em Mato Grosso.

ASCOM - Governo do Tocantins - 07/10/2021

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.