Sede das Promotorias de Justiça de Colméia é inaugurada e MPTO passa a contar com 19 sedes próprias no interior do Estado

Foi entregue pela Procuradora-Geral de Justiça, Maria Cotinha Bezerra, na manhã desta terça-feira, 17, a sede definitiva das Promotorias de Justiça de Colmeia. Com área total construída de 411,63 m²  e investimento de  R$ 1.288.692,10, esta passa a ser a 19ª sede própria da instituição no interior do Estado.

 

Com a entrega do prédio, esta unidade do Ministério Público do Tocantins (MPTO) deixa de funcionar em sede alugada, passando a ocupar um espaço definitivo, construído de acordo com um padrão arquitetônico que preza pela funcionalidade e que garantirá o perfeito fluxo das atividades ministeriais. Esse novo padrão arquitetônico ainda promove a unidade visual dos prédios do Ministério Público localizados no interior do Estado e segue todas as normas legais de acessibilidade.

 

O novo prédio possui uma ampla recepção, sala exclusiva para reuniões e audiências, dois gabinetes de promotoria com banheiros privativos, duas salas de analistas e uma sala para técnicos e estagiários, além de copa, almoxarifado, arquivo, protocolo, banheiros masculino e feminino e garagem privativa. A sede também inclui ambientes acessíveis às pessoas com mobilidade reduzida, sinalização tátil nos pisos e rampas com inclinação adequada.

 

O imóvel recebeu ainda mobiliário e equipamentos de ar-condicionado novos, que totalizaram R$ 900 mil de investimento.

 

A Procuradora-Geral de Justiça, Maria Cotinha Bezerra, destacou o trabalho da gestão na estruturação das instalações no interior do estado e disse acreditar que dentro de quatro anos, as estruturas do MPTO  estarão uniformizadas em todo o Estado.   “Tiramos todos os promotores das dependências dos fóruns, sendo que as comarcas menores contam com sedes alugadas ou construídas sob medida e as comarcas maiores, com sedes próprias. Com a construção das sedes de Gurupi e Araguaína, previstas para iniciarem em breve, pois os recursos já estão inclusos no orçamento, as condições de trabalho do Ministério Público estarão 100% idênticas, como prevê o planejamento estratégico”.

 

O promotor de Justiça Rogério Rodrigo Ferreira Mota ressaltou a importância da obra para a comarca. “Por muito tempo ansiou-se por esta obra. Este prédio foi concluído para proporcionar melhores condições de trabalho, mas também para proporcionar maior efetividade nas atividades precípuas do Ministério Público. É certo que o novo prédio não trará só conforto, mas também a eficiência, a possibilidade de receber melhor os cidadãos”, disse.

 

Também participaram da solenidade de inauguração o chefe de gabinete da PGJ, promotor de Justiça Celsimar Custódio; a Promotora Assessora da PGJ, Cynthia Assis de Paula; o promotor de Justiça  Guilherme Cintra Deleuse , o juiz de Direito Marcelo Eliseu Rostirola, além de servidores e colaboradores. 

 

Abrangência

 

A comarca de Colmeia atende, além desse município, as cidades de Goianorte, Itaporã do Tocantins e Pequizeiro, abrangendo uma população total de 24.199 habitantes.

Denise Soares - 18/11/2020

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.