Sindicato dos Jornalistas Prossifionais do Estado do Tocantins fecha parceria para atendimento psicoterapêutico da categoria

Sindjor/TO - 09/09/2019

Jornada de trabalho excessiva, prazos curtos, pouca valorização, censura, assédio moral e perseguição são algumas das características que colocam o jornalismo como uma das profissões que mais causam desgaste à saúde física e emocional de seus trabalhadores. Considerando estas condições somadas ao cenário de tensão política no Brasil, o Sindjor/TO, preocupado com a saúde mental dos jornalistas do Tocantins, firmou parceria para oferecer condições acessíveis de atendimento psicoterapêutico à categoria.

O psicólogo parceiro do Sindicato dos Jornalistas do Tocantins (Sindjor/TO), Arthur Dunck, reconhece que vivemos um momento difícil na nossa sociedade e que, hoje, tem-se configurações únicas do que se entende como sofrimento e adoecimento psíquico. 

“Nesse contexto, é importante reconhecer a necessidade do atendimento psicológico, entendendo que a psicoterapia trata do sujeito na sua maneira individual de sofrimento e adoecimento.”.

Jornalista sua saúde mental importa, faça psicoterapia e viva com mais qualidade!

Entre em contato com o Sindjor-TO para mais informações e agende o seu horário:

Segunda - Sexta I 08h - 18h 
+55 63 3215-7268
106 Sul, Avenida JK, Lote 24
Sala 102, Edificio Requinte
CEP 77020-040 Palmas/TO

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.