O seu canal diário de Notícias

Bolsa Família: mês de julho terá alta nos bloqueios do benefício

Muitas famílias terão o benefício do Bolsa Família bloqueados este mês

São Gonçalo do Sapucaí, terça-feira, 04 de julho, por Igor Gouvêa – O Bolsa Família deve passar por mais uma grande filtragem esse mês, segundo informações do Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome. O intuito é retirar do programa as famílias que estão em situação irregular, recebendo o benefício sem necessidade e manter apenas quem realmente precisa do dinheiro.

As famílias que estiverem sob suspeita de cadastro irregular no CadÚnico deverão atualizar seus dados e comprovar que preenchem todas as regras para participar do programa social. Em 2023, milhares de famílias já perderam o benefício após terem sido identificadas irregularidades em seu cadastro.

Em abril, o governo iniciou uma atualização nos sistemas responsáveis pelo repasse do Bolsa Família. Em junho, após o fim dessa atualização, foram pagos os retroativos e foram realizados os desbloqueios para as famílias que comprovaram sua situação e adequação ao programa.

Anuncios

O Bolsa Família costuma bloquear os irregulares no início do mês. Dessa forma, quando chega a data do repasse dos valores, apenas os beneficiários aprovados e definidos receberão o dinheiro. O restante terá seu programa social bloqueado. Provavelmente, as famílias que apresentaram irregularidades nos últimos dois meses e continuaram recebendo o benefício, serão bloqueadas em julho.

Bolsa Família: julho terá alta em bloqueios - reprodução internet
Bolsa Família: julho terá alta em bloqueios – reprodução internet

Reprodução: internetTodavia, não é preciso temer pelo dinheiro. É aconselhado que as famílias esperem até que os dados do Bolsa Família de julho sejam disponibilizados, o que acontece por volta do dia 10. Após, é necessário conferir se a família foi bloqueada ou continuará recebendo os valores normalmente.

Meu Bolsa Família foi bloqueado, o que devo fazer?

Anuncios

Não há motivo para pânico caso o seu Bolsa Família tenha sido bloqueado. Inicialmente, você deverá reunir todos os documentos pessoais seus e de todos os membros do seu grupo familiar. Além disso, será necessário ter em mãos o comprovante de residência atualizado, atestados de frequência escolar das crianças e adolescentes, e a comprovação de que os menores de 18 anos estão com todas as vacinas em dia.

Tendo em mãos toda a documentação, compareça ao Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) do seu município e atualize seus dados familiares. Vale lembrar que durante o período em que seu Bolsa Família estiver bloqueado, sua família não será contemplada pelo benefício.

Somente após o desbloqueio é que o seu benefício voltará a ser pago normalmente. Além do mais, os valores não recebidos durante o bloqueio serão pagos de uma única vez após a liberação, são os chamados retroativos.

Desse modo, o mais importante a se fazer é atualizar os seus dados no CadÚnico o quanto antes para evitar o bloqueio do Bolsa Família. Compareça ao CRAS do seu município com os documentos já mencionados acima e atualize o seu cadastro.

Anuncios

Deixe o Seu Comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais