Atitude empreendedora. Boa leitura

Começo com um caso de ficção.

         “Claudio um lenhador ativo, queria ir para uma terra distante é sabia mais ou menos o que fazer.

Como prudente que era, foi em busca de orientação do ancião (sábio) da aldeia para tomar a decisões sobre a viagem.

         Pronto para a primeira etapa, o ancião o recebeu com a alegria de sempre.

Após o visitante narrar o porque da visita, o ancião replicou alguns questionamentos:

a – que terra distante é essa; (informações)

b – como se chega; (meios)

c – que preparação você tem para a jornada; (superação)

d – como você vai se manter nos primeiros períodos; (recursos)

e – após estabelecido você vai continuar por lá. (persistência)

         Após o dito daquele capacitado ancião, Clauudio empreendeu para uma terra distante e os acontecimentos seqüenciais o leitor poderá construir.”

         Fixo no tema, atitude é uma maneira de se comportar e, empreender o jeito de conquistar sonhos.

Para conceituar e adentrarmos num cenário científico, o portal do Instituto Brasileiro de Coaching - IBC, conceitua que a “atitude empreendedora é um comportamento visionário típico de pessoas que assumem riscos e responsabilidades dentro da empresa. Este profissional é aquele que não consegue ficar parado a espera de uma oportunidade, preferindo criar suas chances e desenvolver melhores habilidades para se destacar no mercado”.    

         Para apropriar o assunto com a prática profissional, entrevistei um entusiasta da comunicação em Araguaína-To, Neto Pajeú, que dentre outras atividades empreendedoras é Tecnólogo em Marketing, guia e organizador turístico, jornalista, apresentador de TV, rádio e outras mídias, que nos relatou de forma sucinta que “atitude empreendedora – A. E. em sua abrangência tem os princípios a seguir:

  1. Sonho;
  2. Coragem (ação);
  3. Alvo; (foco);
  4. Informação; (pesquisa e estudo)
  5. Auto Confiança;
  6.  Raio de ação.

Ele comentou que o individuo que tem atitude empreendedora, certamente obterá resultados positivos do ponto de vista pessoal e profissional, considerando que resultado, tempo e ação, são lemas (motivação) dos que tem atitudes em suas vidas”.

Retomando o assunto, considero que as observações do entrevistado, devem ultrapassar o campo dos negócios e adentrar na vida pessoal, familiar e coletiva, como foi perfeitamente expresso.

No mais, antes de tomar decisões, lembre de Clauudio e vá visitar o ancião da aldeia.

Deus abençoe a todos.

ROGÉRIO LOPES, é crente em Jesus Cristo, Facilitador em Finanças da Família, Administrador de Empresas, Especialista no Agronegócios, Treinador Empresarial,  Corretor de Imóveis,  Perito Avaliador Imobiliário e Escritor de Artigos.  [email protected]  

 

Rogério Lopes* - 14/08/2018

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.