Como obter cooperação. Serie sugestiva. (3ª visão da Gestão da Riqueza).

Rogério Lopes* - 03/09/2019

Meses atrás presenciei uma situação de atropelamento de animal doméstico.

Foi assim: um gato teve seus membros inferiores destruídos e tentava desesperadamente sair da pista. Era mais ou menos 6:40 da manhã.

Logo quando vi a cena, parei meu veículo, sinalizei o local e pedi apoio para motoristas que passavam, pois o gato estava muito valente.

Uma das pessoas que pararam para ajudar, ficou na frente do animal para defendê-lo (proteger), isso era no meio da pista, que pista movimentada naquele horário e ela lá para ajudar (mulher corajosa)...que cooperação!

O final do gato não sei.                       

Cooperação em síntese é o ato ou efeito de cooperar (esforço, colaborar, etc.), podendo ser entre indivíduos ou organizações.

Em gestão de riqueza a cooperação, poderá ser preponderante para o alcance de resultados ou objetivos em especial daqueles que tiverem staffs apoiando decisões.

Para contextualizar o tema e verificar como está meu relacionamento cooperativo, passei zapp para 15 pessoas, para que elas sugerissem como conseguir cooperação. Dentre as repostas, o dinheiro ficou em 6º lugar como aspecto de cooperação. Atenção, interesse próprio e responsabilidade lideraram minha menção de como conseguir cooperação.

O whatsapp pode ser um mecanismo/ferramenta para obter cooperação.

Todos temos métodos empíricos ou não para conseguirmos cooperação, quer seja em finanças, profissão ou na família, tais  métodos se forem exitosos poderão auxiliá-lo em novas demandas, pois realmente precisamos de cooperados/cooperadores para nos ajudar em tarefas simples ou complexas.

No caso do uso do dinheiro, os planos em finanças, investimentos em renda fixa ou variável dependem de cooperação e muita informação.

Informação é fundamental como alicerce de modelos de cooperação.

Lembra do caso do gatinho, de imediato sinalizei o local e pedi ajuda sonora (verbal), para que conseguisse cooperação para que o transito parasse e o resgate acontecesse.

Como está a cooperação de sua família nos planos com o uso do dinheiro?

Sugiro que você faça cartas, isso mesmo cartas, contanto a historinha de suas finanças para as pessoas envolvidas no gerenciamento de sua riqueza relacional e patrimonial, pedindo sugestão de melhoria, assim saberá como está o nível de cooperação de seus pares.

Para finalizar, expresso um conto de cunho pessoal.

Um rei, para conseguir cooperação de seus súditos, consultava apenas seus ministros.

Um belo dia, resolveu ouvir seus serviçais numa demanda de uns peixinhos que queriam mudar de País, e não seus ministros.

Tempos depois, baseados nas sugestões cooperativas de seus serviçais, tomou inúmeras decisões, sem complexidade e detalhamentos, mas de maneira nenhuma deixou de honrar seus maiorais (ministros).

Moral: seja diversificado para obter informações cooperativas, verifique vários ângulos/cenários da cooperação (pessoas ou organizações) e não se esqueça de ser grato a todos (estratégia relacional).

Estudos de como obter cooperação fazem parte dos propósitos do tripé da riqueza: Espiritual, Relacional e Material.

Seja intenso e intencional na busca da riqueza.

Deus o abençoe!

Rogério Lopes é crente em Jesus Cristo, facilitador em Finanças da Família, Administrador de Empresas; Especialista no Agronegócios; Articulista em Negócios; Corretor de Imóveis; Perito Avaliador Imobiliário e Colunista do site Justocantins. e-mail:  [email protected]

 

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.