Barreira sanitária fiscaliza diariamente passageiros e funcionários da rodoviária de Palmas no horário de maior movimento

Ascom - 09/07/2020

A barreira sanitária do Terminal Rodoviário de Palmas passou a funcionar desde o dia 1º de julho, atendendo a recomendação conjunta de órgãos de controle. Desde então, a Vigilância Sanitária de Palmas (Visa) tem fiscalizado e orientado diariamente, das 7 às 12 horas, os passageiros, motoristas e funcionários quanto às medidas de prevenção contra o novo coronavírus.

Até esta quinta-feira, 09, já foram fiscalizados cerca de 70 veículos vindos de diversos lugares, sendo que 23 passageiros apresentaram sintomas suspeitos de Covid-19 e tiveram que preencher um formulário clínico epidemiológico agentes comunitários de saúde.  

“Se verificarmos que alguém é sintomático, o agente faz toda a avaliação dessa pessoa. Primeiro estamos priorizando as pessoas que apresentam sintomas e, como é uma ação educativa, esperamos que todos colaborem”, ressalta a gerente de Vigilância Sanitária, Joselia Monteiro.  

Em torno de 905 pessoas já foram abordadas pela fiscalização. A ação afere a temperatura dos passageiros logo quando desembarcam no terminal. Já nos ônibus e vans locais são verificados os equipamentos de proteção, higienização e orientação do uso da máscara.  

Além dos passageiros, a Visa também monitora diariamente os 27 guichês da rodoviária, as cinco lanchonetes, as quatro lojas de variedades e a sala de armazenamento do local. Os funcionários da rodoviária também são orientados a realizar constantemente a limpeza do chão e cadeiras do terminal, que mantém o distanciamento informado pela vigilância.  

Barreira Sanitária  

A Secretaria Municipal da Saúde (Semus) se comprometeu junto aos órgão de controle a promover ações de monitoramento dos casos suspeitos de Covid-19, ações informativas e de orientação aos passageiros, motoristas e trabalhadores do local no período de maior movimentação, das 7 às 12 horas, de acordo com informações da Loja Maçônica de Palmas, responsável pela administração da rodoviária.

Essas informações foram repassadas por meio de memorando visando responder à recomendação conjunta do Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público Estadual do TO (MPE) e Ministério Público do Trabalho (MPT) para a instalação de barreira sanitária no Terminal Rodoviário de Palmas. 

A Visa está acompanhando diariamente o fluxo de passageiros na rodoviária e, caso aumente em outros horários, as ações poderão ser estendidas para os períodos vespertino e noturno, conforme a necessidade. 

Desta forma, as ações da barreira sanitária envolvem aplicação de questionário rápido de cunho clínico-epidemiológico. A ideia é coletar informações sobre o contato com pessoas confirmadas ou suspeitas, bem como regiões frequentadas recentemente por essas pessoas e possíveis sintomas. 

Além disso, a fiscalização orienta os passageiros sobre identificação dos sintomas, fluxo de atendimento na Rede Municipal de Saúde, local e condutas a seguir em pessoas com suspeitas e ainda encaminham esses casos, no momento da entrevista, para atendimento e agendamento de coleta de teste no prazo adequado.

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.