Mulher em ação é foco de palestra na Unidade Prisional Feminina de Lajeado

- 29/11/2019

Mulheres encarceradas da Unidade Prisional Feminina de Lajeado participaram de uma palestra focada no empoderamento feminino na quarta-feira, 27. Uma iniciativa da Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO), por meio da Defensoria Pública de Tocantínia, a atividade ofereceu a palestra “Mulher em Ação”, ministrada pela máster coach e analista comportamental Tudy Vieira.

Coautora do livro “Mulheres fora de série”, editado pela Literare Books e lançado em Palmas neste segundo semestre de 2019, Tudy Vieira trouxe um pouco dos ensinamentos de sua obra autoral em forma de palestra, garantindo muita emoção às reeducandas da unidade prisional. Na ocasião, Tudy ofereceu dinâmicas e um envolvente bate-papo sobre a mudança de atitude, o autoconhecimento e ações para obter resultados e percorrer um caminho de sucesso. Após a palestra, foi sorteado um exemplar da obra da Tudy Vieira e doado outro exemplar para o acervo da unidade.

As mulheres da unidade prisional destacaram como a palestra contribuiu muito para o controle das emoções, para a saúde emocional, para se sentir ainda mais confiante, força de vontade para realizar, conhecimento, coragem. “Eu nunca tive um sonho, é a primeira vez que eu construí um sonho. Talvez, por isso, eu tenha passado tantas vezes pelo sistema. Agora eu construí um sonho. Eu sonho em sair daqui e fazer faculdade de psicologia”, declarou uma das reeducandas.

A defensora pública afirmou que a fala de Tudy foi profundamente inspiradora, tendo levado as participantes às lágrimas de emoção em várias oportunidades, desde o início, ao começar pedindo que elas falassem sobre suas maiores qualidades. “Além disso, foi de valiosa contribuição em pontos como lidar com as próprias emoções, com a raiva e com os problemas. Foi muito comovente ouvir o relato de cada uma, vê-las tão envolvidas na atividade, desenhando seu sonho, como a palestrante propôs. A atividade foi um reforço de esperança nestes tempos difíceis”, ressaltou a defensora pública.

A master coach afirma que ficou encantada com a receptividade, a participação e o engajamento das meninas. "Era nítido o interesse em aprender. Isso realmente pode ser uma evidência de evolução para essas meninas.  O mais gratificante foi ver a esperança se instalar. Os olhos brilhantes me trouxeram a certeza de que a sente foi plantada. Sou muito grata pela oportunidade de dividir esse momento lindo com elas", declarou Tudy Vieira.

A ação, fruto de uma parceria com a Secretaria Estadual de Cidadania e Justiça (Seciju), foi realizada pela defensora pública Isabella Faustino Alves, defensora titular de Tocantínia, que atua na unidade prisional de Lajeado.

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.