Aberto o edital para a 4ª edição da Revista Jurídica da Defensoria Pública

Marcus Mesquita / Ascom DPE-TO - 15/03/2019

Membros, servidores e estagiários da Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO), além do público externo interessado, têm até o próximo dia 10 de abril para realizar o encaminhamento de conteúdos científicos que concorrerão a um espaço na 4ª edição da Revista Jurídica da Defensoria Pública (Adsumus). Ao todo, são 29 temáticas que podem ser desenvolvidas para compor a publicação, que possui periodicidade semestral.

Segundo consta no Edital nº 1, de 1º de março de 2019, elaborado pelo Conselho de Política Editorial da Adsumus e pela Escola Superior da Defensoria (Esdep), a Revista Jurídica “tem por objetivo o aperfeiçoamento funcional dos membros, servidores e estagiários da Instituição, fomentando uma ampla discussão acerca de temas relevantes, principalmente, no tocante à prática diária da Defensoria Pública, bem como o estímulo à produção científica, à difusão jurídica, o engrandecimento social, acadêmico e jurídico, através de compartilhamento de ideias”.

Ainda de acordo com o documento, os materiais a serem apresentados devem ser inéditos e contribuir com a produção, difusão do conhecimento e desenvolvimento das áreas de atuação e atribuições da DPE-TO. As obras devem ser elaboradas em forma de artigo científico, artigo de revisão, parecer, resenha ou comunicação breve, sendo produzidas individualmente ou, no máximo, por três autores, desde que as coautorias sejam claramente explicitadas.

Público externo

Esta será a segunda edição seguida da Adsumus que mesclará produções de membros, servidores e estagiários da DPE-TO com outras elaboradas por um público externo, o que intenta atender aos princípios da exogenia. A próxima publicação poderá contar, ainda, conforme previsto no Edital, com trabalhos de convidados aprovados pelo Conselho de Política Editorial da Revista Jurídica da Defensoria, sendo estes materiais submetidos apenas à revisão técnica caso publicados.

Guia Básico

Ainda conforme o Edital, os artigos científicos e de revisão “deverão contar entre 15 e 20 laudas, com referências inclusas”; enquanto os pareceres, as resenhas e as comunicações breves “deverão contar com, no máximo, 15 laudas. Ressalvando que, as comunicações breves deverão conter, no máximo, 1.600 palavras”.

Visando nortear as produções, a Esdep disponibiliza aos candidatos o Guia Básico para Auxiliar na Elaboração de Artigo Científico, podendo ele ser acessado, para download, por meio do link Guia Básico.

Envio dos materiais

Nesta edição da Adsumus, o processo de envio dos materiais para a avaliação do Corpo Editorial Científico não ser dará mais por e-mail, como anteriormente. Segundo consta no Edital, “os trabalhos deverão ser encaminhados em arquivo com extensão.doc/RTF, por meio do Sistema Editorial da Defensoria Pública, no endereço eletrônico: https://editorial.defensoria.to.def.br/adsumus/”.

Para acessar o Sistema Editorial, os candidatos que atuam na DPE-TO devem inserir as mesmas informações de login e senha utilizadas para acessar o sistema Égide da Instituição. Já para o público externo, o cadastro para acesso requer, inicialmente, apenas um e-mail e a criação de uma senha pessoal.

O próprio Sistema possui um tutorial de submissão dos conteúdos; entretanto, aqueles que tiverem dúvidas, a Esdep disponibiliza o endereço eletrônico [email protected] para saná-las.

Edital

Publicado pelo Conselho de Política Editorial da Adsumus e pela Escola Superior da Defensoria Pública (Esdep), a íntegra do edital pode ser conferida no Diário Oficial do Estado (DOE) nº 5.318, desta quinta-feira, 14.

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.