Reclamação trabalhista - adicional de insalubridade

Geovani Santos*, whatsapp (21) 99533-1362 - 08/08/2015

EXMO. SR. DR. JUIZ DO TRABALHO DA ___ VARA DO TRABALHO DE ___________ - RS

 

____________, brasileira, solteira, ___________, Residente e domiciliada na Rua _________, nº ____, Bairro __________, em ______________-__, CEP ________, por seu procurador firmatário, com instrumento de procuração incluso, e escritório situado à Rua __________, nº _____, nesta cidade, onde recebe intimações, vem, respeitosamente, perante V. Exa. Ingressar com

contra_________________, inscrita no CNPJ sob nº _____________, com sede à Rua __________, nº _____, nesta cidade, pelos motivos que passa a expor:

1. A autora foi admitida pela ré em ___/___/_____, para exercer a função de ______, percebendo remuneração mensal de R$ _______, conforme contrato de trabalho anexo (doc. 02).

2. Ocorre que, no exercício da aludida função, a reclamante manuseia resíduos contaminados, estando permanentemente exposta à agentes nocivos à saúde. Além disso, a reclamada não proporciona equipamentos de proteção adequados ou adota medidas que possam neutralizar a insalubridade do ambiente.

3 - Não obstante o exercício de atividade insalubre pela autora, a ora reclamada nega-se a pagar o devido adicional.

Face ao exposto, requer a V. Exa., a notificação da empresa reclamada para, querendo, apresentar contestação, sob pena de revelia e confissão, prosseguindo o mesmo em seus ulteriores termos, até final sentença que a condene ao pagamento do adicional devido e seus reflexos, de acordo com o artigo 192 da CLT, a partir da data de admissão da reclamante.

Requer, ainda, perícia de Médico ou Engenheiro de Trabalho, de acordo com o art. 195 da CLT, para que caracterize e classifique as condições de insalubridade no local onde a reclamante exerce seu trabalho.

Protesta pela apresentação de quesitos a serem formulados ao senhor perito e pela produção dos meios de prova em direito admitidos.

Dá-se à causa o valor de R$ ______.

Nestes termos,

P. Deferimento.

_____________, ___ de __________ de _____.

 

 

*Advogado Rio de Janeiro www.geovanisantos.adv.br "Enquanto não estivermos comprometidos, haverá hesitação. Em todos os atos de iniciativa e de criação, existe uma verdade elementar cuja ignorância mata inúmeros planos ideias esplêndidas. Todos os tipos de coisas ocorrem para nos ajudar, que em outras circunstâncias nunca teriam ocorrido. Qualquer coisa que você possa fazer ou sonhar, você pode começar. A coragem contém em si mesma, o poder, o gênio e a magia.”

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.